21°C 34°C
Teresina, PI
Publicidade

Operação prende cinco pessoas por desmatamento ilegal em área indígena no Piauí

Na próxima segunda-feira (22), a Semarh e a Secretaria de Segurança Pública (SPP) realizarão uma coletiva de imprensa para divulgar um balanço geral das prisões, apreensões e demais ações realizadas durante a primeira Operação Cerrado Vivo.

20/05/2023 às 10h08
Por: Redação RI
Compartilhe:
Foto: Ascom/Semarh
Foto: Ascom/Semarh

A primeira Operação Cerrado Vivo chegou ao fim nessa sexta-feira (19), graças à atuação conjunta da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Polícia Civil e Polícia Militar. No município de Morro Cabeça no Tempo (a 724 km de Teresina), foram efetuadas várias autuações e aplicação de multas, além da prisão em flagrante de pelo menos cinco indivíduos envolvidos em desmatamento ilegal.

Durante uma semana, a equipe composta por quatro auditores fiscais ambientais da Diretoria de Segurança e Fiscalização da Semarh, quatro policiais militares, quatro agentes da Polícia Civil e dois delegados de Proteção ao Meio Ambiente investigaram denúncias de desmatamento ilegal no cerrado piauiense, inclusive em territórios indígenas.

"Foram dias de trabalho intenso para garantir a eficácia da operação. Neste mês, a Semarh recebeu diversas denúncias de desmatamento ilegal no extremo sul do Piauí, uma região onde esse tipo de crime ocorre com maior frequência, especialmente contra o bioma Cerrado. Por isso, tomamos as medidas necessárias de combate e punição", declarou Dênio Marinho, diretor de Fiscalização da Semarh.

No território dos Akroá Gamella, em Uruçuí, foram constatadas irregularidades após investigação e auditoria ambiental, resultando na instauração de um processo sancionatório administrativo. Também foi apurada uma denúncia de desmatamento ilegal no Povoado Gameleira, em Curimatá, onde ocorreram cinco prisões em flagrante, com a respectiva autuação no município.

Além disso, foram identificadas práticas ilegais de desmatamento em propriedades e empreendimentos rurais localizados no município de Alvorada do Gurguéia. Durante as investigações, foram apreendidos equipamentos utilizados nessas atividades ilegais de desmatamento. Para realizar todo esse trabalho, a equipe de fiscalização contou com o apoio de duas viaturas disponibilizadas pela Semarh e duas viaturas da Delegacia do Meio Ambiente.

Na próxima segunda-feira (22), a Semarh e a Secretaria de Segurança Pública (SPP) realizarão uma coletiva de imprensa para divulgar um balanço geral das prisões, apreensões e demais ações realizadas durante a primeira Operação Cerrado Vivo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina, PI
27°
Tempo limpo

Mín. 21° Máx. 34°

28° Sensação
5.14km/h Vento
61% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
05h57 Nascer do sol
05h47 Pôr do sol
Ter 35° 22°
Qua 36° 23°
Qui 33° 25°
Sex 35° 22°
Sáb 29° 22°
Atualizado às 09h06
Economia
Dólar
R$ 5,42 +0,84%
Euro
R$ 5,81 +0,85%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,06%
Bitcoin
R$ 375,636,30 -0,82%
Ibovespa
118,781,54 pts -0.74%
Publicidade