Esportes Futebol na TV

Globo se divide por compra da Liga dos Campeões para TV aberta até 2024

O setor de esporte é a favor da negociação para a exibição em TV aberta.

18/02/2021 09h00
Por: Redação Fonte: Coluna do Gabriel Vaquer / Uol
Mbappé comemora um de seus gols marcados pelo PSG contra o Barcelona, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões - Imagem: Albert Gea/Reuters
Mbappé comemora um de seus gols marcados pelo PSG contra o Barcelona, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões - Imagem: Albert Gea/Reuters

O leilão dos direitos de transmissão da Liga dos Campeões da Uefa, que será definido em março, divide opiniões dentro do Grupo Globo. O setor de esporte é a favor da negociação para a exibição em TV aberta. Outras áreas entendem que a Champions só seria interessante para o SporTV, por causa dos valores da negociação, sempre altos.

A coluna apurou que, no setor financeiro, a defesa é pela entrada do produto apenas em TV paga. Foram os executivos dessa área que deram o aval para a rescisão contratual da Libertadores da América, em julho do ano passado. O entendimento é que não é momento de pagar quantias altas para um evento que não oferece um número grande de datas para faturamento —são 29 datas de jogos.

Do outro lado, setores de conteúdo e de direitos esportivos do futebol defendem que a entrada em TV aberta e fechada é estratégica. A Champions marcaria a volta de um evento continental que atrai o público de forma massiva e representaria uma resposta para a perda da Libertadores —a rescisão com a Conmebol criou divisão semelhante no ano passado. Hoje, o portfólio de eventos da Globo só tem o Mundial de Clubes com esse perfil.

Outra questão que entra na discussão é o movimento "Uma Só Globo". Adotado desde 2017, ele criou um modelo de negócios que prega a unificação dos investimentos do grupo. Comprar a Champions apenas para o SporTV iria contra isso.

A Team, agência que vende os direitos da Uefa, preparou um pacote específico para TV aberta e convidou Globo e SBT, entre outros, para entrar na negociação. Na TV paga, apenas a WarnerMedia oficializou proposta para renovação dos direitos —a empresa americana transmite o torneio desde 2015. Além de Globo, SBT e Warner, Disney e Facebook foram convidados a fazer parte da licitação.

Se todos os requisitos forem cumpridos, os vencedores serão anunciados no início de março. O leilão atual é válido entre as temporadas 2021/2022 e 2023/2024.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.