Esportes Crise financeira

Com dívida de R$ 1,2 bi, Atlético-MG traça meta para reduzir

Números financeiros foram apresentados pela diretoria no Galo Business Day

23/04/2021 14h35
Por: Redação Fonte: Globo Esporte
Foto: Twitter Atlético-MG
Foto: Twitter Atlético-MG

Com o Galo Business Day, o Atlético-MG apresentou os números financeiros do clube. A dívida bateu R$ 1,2 bilhão. Uma quantia que assusta, mas que a diretoria pondera, destacando que a instituição possui um patrimônio maior. Os dirigentes traçaram metas. Uma delas é a redução da dívida do Atlético para R$ 341 milhões em 2026.

O vice-presidente José Murilo Procópio deu importantes informações em seu pronunciamento, confirmando logo no começo o valor da dívida do clube:

- O Atlético tem um passivo de R$ 1, 2 bilhão. Mas o Atlético tem patrimônio superior a isso. O que nos cabe é o que estamos fazendo, reduzir custos. Fizemos economia em média de R$ 100 mil por mês só no departamento jurídico. Não temos mordomia nenhuma no Atlético, não tem motorista ou segurança para ninguém. Eu ando solto por aí. Minha preocupação não é o passivo, e sim reduzir despesa.

Estiveram no Galo Business Day: o presidente Sérgio Coelho, o vice José Murilo Procópio, três dos chamados 4 R’s, grupo de apoiadores (Rafael Menin, Renato Salvador e Ricardo Guimarães) e o presidente do Conselho do clube, Castellar Guimarães Filho. O presidente da CBF, Rogério Caboclo, e o secretário da entidade, Walter Feldman, foram espectadores do evento.

 

Finanças

 

O diretor financeiro Paulo Braz destacou um dos cinco pontos que foram a base do evento atleticano: as finanças. Ele destacou o crescimento do patrimônio alvinegro no período.

"R$ 1,3 bilhão de patrimônio contábil. Crescimento de R$ 481 milhões de 2019 para 2020. E não tem aqui a mais-valia dos jogadores. O que daria mais do que R$ 1,5 bilhão.”

Braz apresentou que o clube ainda reduziu o quadro de funcionários, conseguindo uma economia considerável. Mais de 200 foram desligadas.

- O Atlético tem 531 pessoas (funcionários). Eram 736 pessoas. 205 pessoas foram desligadas. Economia mensal de 1.104 milhão de reais. R$ 1.209 bilhão é o endividamento do Atlético-MG ao fim de 2020. R$ 462 milhões de acréscimos. O Endividamento subiu, mas os investimentos também.

Na análise sobre os números atleticanos, o profissional ainda disse que o valor do elenco do futebol profissional ultrapassa os R$ 600 milhões. Sendo que, ano passado, foi realizado um investimento robusto na aquisição de atletas

"Investimos R$ 253 milhões em atletas (2020). O valor do elenco hoje é de R$ 630 milhões. Temos, sim, dívida, mas patrimônio muito maior.”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.