Entretenimento Musa

Guilhermina Guinle relembra cuidados com Fiuk na infância: 'Troquei fraldas'

Enquanto aguarda o início das gravações de “Verdades secretas” 2, em que reviverá Pia, Guilhermina Guinle saboreia a reprise de “Ti-Ti-Ti”, em que viveu Luísa

26/04/2021 09h52
Por: Redação Fonte: Kogut
Guilhermina Guinle (Foto: Tavinho Costa)
Guilhermina Guinle (Foto: Tavinho Costa)

Enquanto aguarda o início das gravações de “Verdades secretas” 2, em que reviverá Pia, Guilhermina Guinle saboreia a reprise de “Ti-Ti-Ti”, em que viveu Luísa:

- Quanto mais antigo o trabalho, mais divertido rever. Penso: "Olha este cabelo, olha como eu estava mais magra ou mais gorda". Mulher gosta de acompanhar esse tipo de mudança. Em relação ao trabalho em si, é interessante porque você vai vendo um amadurecimento grande em relação à atuação. Eu imagino: "Poderia ter falado assim ou assado, ou usado a respiração melhor ali. Se fosse fazer de novo, como faria? O que melhorou? O que pode melhorar?". Novela é um grande exercício para o ator. Você pode ter a formação que for, mas, na hora do vamos ver, o que vale é aquilo ali. Não é como cinema, em que você ensaia e roda duas ou três cenas por dia. Em novela, às vezes são 20. Com Jorge Fernando (diretor de "Ti-Ti-Ti"), eram 30. 

Segundo ela, tanto na época quanto atualmente, são recorrentes os comentários do público feminino sobre a trama de Luísa:

- Ela era uma mulher moderna, nem namorada nem casada. Depois, acaba se tornando amante do Edgar (Caio Castro). Muitas mulheres dizem que já passaram por isso, outras falam que são contra, ou então a favor. Tem também quem opina que é absurdo, que ela tem que cair fora.

Guilhermina também aproveita para acompanhar a trama das 19h "Salve-se quem puder", em que interpreta a vilã Dominique. Por conta da pandemia, o elenco terminou de gravar todas as cenas antes mesmo do fim da novela.

- É uma coisa nova para nós, atores. Quando estamos no ar, tem tempo de mudar uma coisa aqui e outra ali. Agora é salve-se quem puder mesmo.  Se gostou, gostou. Se não gostou, já era. Estou curtindo assistir. Eu não via muita novela porque, nesse horário, geralmente estamos gravando - afirma ela, que adianta que gostou do desfecho da personagem. - Ela volta pior do que nunca, fazendo mais maldades. E termina presa. Acho que, para uma mulher com a história dela, de poder e vaidade, acabar numa cela suja com outras detentas é mesmo o melhor castigo. Melhor do que morrer.

No cardápio de Guilhermina durante este período de pandemia está ainda o "Big Brother Brasil". Como se sabe, ela namorou Fábio Jr., pai de Fiuk, um dos participantes da atual edição:

- É o primeiro "BBB" que acompanho e, por coincidência, o Filipe está. Ele vem mostrando uma evolução bem interessante como pessoa. Ele mesmo fala que entrou lá porque era um menino muito fechado. Ele queria essa evolução, queria o convívio com outras pessoas. Ele foi bem corajoso. Filipe sempre foi um fofo.

Guilhermina diz que, na época do seu relacionamento com o cantor, Fiuk tinha 2 anos.

- Troquei as fraldas daquele garoto. Aí a gente vê o quanto está ficando velha - brinca ela, que tem 46. - Eu tinha 19 anos. A Kika tinha 5, a Thainá, 7, e a Cleo, 9. Eu lembro que a gente viajava e Fabio falava: "Não vamos levar babá. Acaba sendo mais uma pessoa ali. Você segura essa onda?". E eu ali com 19 anos, me achando, dizia: "Claro, imagina". Eu era a supernanny. Passava um fim de semana inteiro sozinha com os quatro. Hoje em dia penso: "Como aguentava?". Com 19 anos, é tudo lindo. Eu, apaixonada, achava tudo incrível. Hoje em dia se aparece um homem com, quatro filhos me falando isso, eu digo: "Chama a babá!".

Guilhermina se recorda das idas ao sítio que o cantor mantém até hoje no interior de São Paulo:

- Filipe era o que menos me dava trabalho. Ele era totalmente grude. Quando Fábio ia pegá-lo, ele perguntava: "A Gui vai estar lá?". O Fabio adorava me contar isso. Aquelas fotos que mostraram no "BBB", a maioria fui eu que tirei. Ele aparece com aquele cabelo de cuia. Tem outro em cima de um trator também.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.