Esportes Empate

Mancini analisa novo esquema e elogia o Timão no clássico

Veja o que disse o treinador após empate com o São Paulo

03/05/2021 10h11
Por: Redação Fonte: Globo Esporte
Vagner Mancini Corinthians São Paulo — Foto: Marcos Ribolli
Vagner Mancini Corinthians São Paulo — Foto: Marcos Ribolli

O técnico do Corinthians, Vagner Mancini, disse que saiu da Neo Química Arena satisfeito com a atuação e o resultado obtido por sua equipe no clássico contra o São Paulo, na noite deste domingo, pela décima rodada do Campeonato Paulista. Luan e Gustavo Mosquito fizeram os gols do Timão no empate por 2 a 2.

– O time de hoje foi altamente competitivo, agressivo, marcou bem. Bobeou no gol do São Paulo, naquela bola em que o Miranda apareceu sozinho, bobeou em um ou outro lance que, felizmente, acabaram não resultando em gol. Mas teve muita coisa boa. Teve muitos méritos, melhorou demais na segunda etapa, pressionou. O São Paulo chegou muito pouco ao nosso gol, são fatos que acabam, de certa forma, fazendo com que essa equipe tenha grande possibilidade de ser mantida – afirmou o técnico do Corinthians.

O treinador também comentou a opção por três zagueiros. Ele escalou o Timão no Majestoso com João Victor, Jemerson e Raul Gustavo, dando mais liberdade para os laterais Fagner e Lucas Piton.

– Não tenha dúvida de que a avaliação é altamente positiva, embora a gente tenha sentido um pouco de dificuldade no início da partida, o que é natural, porque fizemos, além da mudança de esquema, a entrada de alguns atletas. Não é uma tarefa fácil, mas acima de tudo foi uma tarefa bem executada. Essa dificuldade foi imposta porque no começo de jogo o São Paulo foi bem agressivo na marcação, e a gente não estava conseguindo uma estabilização que toda equipe precisa numa mudança de sistema de jogo – analisou Mancini.

– A partir de meia hora, a equipe começou a se soltar um pouco mais. No começo também teve um pouco de erro de passe, que acaba sendo um peso nessa análise, mas a partir do momento em que a gente se soltou um pouco mais, chegamos mais à frente, fizemos o gol de empate e, na segunda etapa, eu vi um Corinthians melhor do que o São Paulo, com uma força, uma saída de bola acima. Dentro do que foi a partida, tivemos um pouco de dificuldade no começo, mas soubemos melhorar durante a partida. Vejo um fato extremamente positivo – completou.

– O saldo é de um time que jogou bem no meu ver, entendeu o sistema de jogo ao longo da partida, teve disposição, técnica, fez gols bonitos, de jogadas bem elaboradas, mas o que eu mais gostei foi a entrega, a alma, isso vem em primeiro lugar em qualquer time que quer ser campeão, chegar a conquistas e títulos.

O Corinthians volta a campo na quinta-feira, quando encara o Sport Huancayo, no Peru, pela Copa Sul-Americana. Já classificado para o mata-mata do Paulistão, o Timão encerra sua participação na fase de grupos contra o Novorizontino, domingo, em Itaquera.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.