Política Eleições 2022

Em reunião, MDB decide indicar Themístocles como vice em 2022

O MDB tem como prioridade a indicação de Themistocles Filho para a vice na chapa governista e formar uma chapa proporcional forte.

07/06/2021 10h26 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação Fonte: Coluna da Lídia Brito
O senador Marcelo Castro (Foto: Roberta Aline)
O senador Marcelo Castro (Foto: Roberta Aline)

A direção estadual do MDB se reuniu na manhã desta segunda-feira (07) na sede da legenda em Teresina. No encontro, os deputados definiram a estratégia para a eleição de 2022. O MDB tem como prioridade a indicação de Themistocles Filho para a vice na chapa governista e formar uma chapa proporcional forte. 

"Estamos nos articulando como todos os demais partidos. Todas as eleições existiam coligações proporcionais. Hoje não existe mais. Cada partido tem que se valer da sua própria legenda, dos seus filiados. Cada legenda vai ter que concorrer independente  dos outros partidos. Começamos a equacionar essa chapa proporcional de deputados federal e estadual. Nosso foco será estadual. Quem são os deputados atuais, quem pode vir, quem se dispõe a ser candidato pelo MDB. Vamos fazer um trabalho de convencimento e mostrar as potencialidades do partido", destacou o presidente estadual, senador Marcelo Castro. 

Marcelo afirma que a legenda tem nomes de deputados e lideranças sem mandato que irão concorrer a deputado pela sigla.

"Estamos conversando, não há definição. Mas, não é prudente dizer um nome de um deputado que conversamos, se ele não disse não e nem que sim. Não podemos antecipar, porque amanhã a pessoa pode mudar e vamos expor a pessoa e o partido", destacou.

Para o senador Marcelo Castro, a meta da legenda é eleger o maior número de partidos possíveis. 

"Somos políticos e vamos pedir às pessoas, mostrarmos que as portas do MDB se encontram abertas. Só podemos anunciar quando houver a palavra das pessoas. Se falam em muitos nomes. Posso dizer que já convidei quase todo mundo. Isso cria expectativa porque não  sabemos se a pessoa virá ou não. Temos a meta de eleger o maior número de estaduais e federais. Vamos saber o que é possível. Mas o esforço será feito", afirmou.

 

Chapa majoritária

 

Marcelo descarta ser governador. Com isso o nome da base é de fato Rafael Fonteles. Para o MDB, a prioridade é eleger Themistocles Filho como vice na chapa governista.

"Está fora do meu projeto político. Mas, provavelmente a indicação para vice é o nome do deputado Themistocles Filho", disse

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.