34°

Poucas nuvens

Teresina - PI

Polícia Chefes do fake news

Encontros de suspeitos de milícia digital com Jair Bolsonaro entram na mira da PF

Os dois se encontraram com Allan dos Santos, deputado também visitou rede social de direita cujo dono foi ouvido pela PF

12/10/2021 às 09h55
Por: Redação Fonte: Coluna Painel / Folha
Compartilhe:
O presidente Jair Bolsonaro conversa com o influenciador Allan dos Santos em Nova York - Reprodução Instagram
O presidente Jair Bolsonaro conversa com o influenciador Allan dos Santos em Nova York - Reprodução Instagram

A visita de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) à sede da rede social americana de direita Gettr e os encontros do deputado e de Jair Bolsonaro com o influenciador Allan dos Santos, do site Terça Livre, durante a viagem da comitiva brasileira aos EUA, em setembro, não passaram despercebidos no inquérito que investiga milícias digitais.

Um dos focos da apuração mira a relação da rede bolsonarista com seguidores do ex-presidente Donald Trump e com o filósofo Olavo de Carvalho.

Santos é discípulo de Olavo e se mudou para os EUA após virar alvo da PF. Ele postou uma foto do encontro com Eduardo e um vídeo da conversa com o presidente na saída do hotel onde integrantes do governo ficaram hospedados. A gravação mostra os dois falando rapidamente ao pé do ouvido

Eduardo, por sua vez, registrou a visita à Gettr, rede de direita criada por Jason Miller, ex-porta-voz de Donald Trump. O empresário esteve no Brasil e foi ouvido pela PF no dia 7 de setembro.

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, prorrogou por mais 90 dias o inquérito das milícias digitais nesta segunda (11). A PF apura a relação com aliados do ex-presidente americano se dá somente pelo uso dos métodos de Steve Bannon, ex-estrategista de Trump, ou se há algum tipo de apoio financeiro entre os grupos.

Como mostrou o Painel, a PF justificou ao ministro Alexandre de Moraes que era necessário tomar depoimento de Jason Miller por existir uma tendência de que canais bolsonaristas possam migrar para a Gettr, criada como alternativa às plataformas convencionais após suspensão de contas de Donald Trump.

“Visitando o escritório do Gettr. Infelizmente o CEO Jason Miller, que foi detido a mando de Alexandre de Moraes no aeroporto de SP por 3h, não estava. Mas aproveitei mesmo assim para fazer um vídeo representando os 1.843.735 brasileiros que fizeram de mim o deputado federal mais votado da história do Brasil para dizer: desculpa, Jason”, disse Eduardo em sua postagem sobre a visita.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI Atualizado às 17h16 - Fonte: ClimaTempo
34°
Poucas nuvens

Mín. 24° Máx. 36°

Qua 35°C 23°C
Qui 37°C 23°C
Sex 35°C 23°C
Sáb 38°C 23°C
Dom 37°C 24°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes