23°C 34°C
Teresina, PI
Publicidade

Réu por matar empresário na frente das filhas é condenado a 29 anos de prisão

A sentença foi definida no final da tarde desta terça-feira (23) após a sessão do Tribunal do Júri na comarca de São Raimundo Nonato (a 527 km de Teresina).

23/05/2023 às 22h21
Por: Redação Fonte: Cidade Verde
Compartilhe:
Réu por matar empresário na frente das filhas é condenado a 29 anos de prisão

Juniel Assis Paes Landim, acusado de matar o empresário João Rodrigues Dias Neto na frente das filhas, foi condenado a 29 de anos e dois meses de prisão. A sentença foi definida no final da tarde desta terça-feira (23) após a sessão do Tribunal do Júri na comarca de São Raimundo Nonato (a 527 km de Teresina). 

O crime aconteceu no dia 13 de setembro do ano passado quando a vítima, que é marido da secretária municipal de Assistência Social do município, Valdenia Costa,  foi morta a tiros no momento em que pegava as filhas na escola. 

Juniel permaneceu calado durante todo o julgamento. Segundo a denúncia, ele teria sido contratado por R$ 10 mil para praticar o crime. A motivação seria uma vingança planejada pelos mandantes pelo envolvimento da vítima em um acidente de trânsito meses antes. 

A secretária de Assistência Social de São Raimundo Nonato, Valdenia Costa, disse que a condenação do assassino do marido traz um alívio para a família. 

“A gente tem uma sensação de alívio. Mesmo ele ficando em silêncio durante o julgamento, a gente conseguiu ter êxito e ficou comprovado o que realmente ocorreu”, disse Valdênia, que acompanhou toda a sessão do tribunal do júri. 

A viúva do empresário ainda defendeu que os mandantes e os demais envolvidos no episódio também sejam condenados. “A gente compreende que os mandantes são os maiores culpados. A gente não isenta o executor do que ele fez, mas ficou provado em júri que eles [mandantes] arquitetaram tudo e conseguiram”, disse. 

Outras cinco pessoas ainda serão julgadas pelo crime. A data ainda não foi definida porque elas recorrem na Justiça da decisão de pronúncia.

São acusados os irmãos Paulo Ferreira Pereira e Patrícia Ferreira Pereira, pelo planejamento do assassinato. Um terceiro irmão, Luiz Ferreira dos Santos Neto, foi retirado do processo pelo juiz que entender que não haviam provas suficientes da sua participação. 

Também serão julgados Juliermes Braga Paz Landim, que é amigo de Paulo, Mauro Viana de Almeida, que é casado com Patrícia, e Roniglesias dos Santos Silva.

Relembre o caso

 

João Rodrigues Dias Neto foi morto a tiros na manhã de 13 de setembro de 2022, no município de São Raimundo Nonato. De acordo com o 11° Batalhão da Polícia Militar, a vítima foi morta na  frente das duas filhas quando as buscava em uma escola no centro da cidade.

Ele era casado com a empresária Valdenia Costa, secretária do Trabalho e Assistência Social do município. 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sem foto
Sobre o município
Notícias de São Raimundo Nonato - PI
Ver notícias
Teresina, PI
32°
Tempo nublado

Mín. 23° Máx. 34°

36° Sensação
3.09km/h Vento
55% Umidade
46% (0.62mm) Chance de chuva
05h53 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Seg 34° 22°
Ter 33° 22°
Qua 34° 22°
Qui 33° 22°
Sex 33° 21°
Atualizado às 13h16
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 4,99 +0,00%
Euro
R$ 5,36 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,02 -0,07%
Bitcoin
R$ 144,416,44 +2,01%
Ibovespa
110,905,51 pts 0.77%
Publicidade