Cidades Em Teresina

Motoristas de aplicativo interditam Av. Marechal Castelo Branco em protesto

Categoria reivindica redução do ICMS sobre o preço da gasolina no Piauí e pede inclusão nos grupos prioritários da vacinação contra a covid-19.

23/02/2021 09h35
Por: Redação Fonte: Portal O Dia
Foto: Gorete Santos
Foto: Gorete Santos

Quem precisar fazer o trajeto da Zona Norte para a Zona Sul de Teresina terá dificuldades na manhã desta terça-feira (23). Isso porque motoristas de aplicativo interditaram as duas faixas da Avenida Marechal Castelo Branco em protesto pedindo a redução do preço da gasolina e a inserção da categoria nos grupos prioritários de vacinação contra a covid-19. Os motoristas se concentram em frente à Câmara Municipal de Teresina e fazem um buzinaço

O trânsito na Avenida Marechal Castelo Branco está bastante confuso, uma vez que a interdição total da via não estava planejada de início. Agentes da Strans ainda se dirigem para o local para orientar os motoristas para os desvios. O que os motoristas de aplicativo criticam é a carga tributária estadual que incide sobre o preço do combustível e pedem a redução do ICMS taxado no valor repassado aos consumidores no Estado, que hoje é de 31%.

A interdição da Avenida Marechal Castelo Branco pelos motoristas de aplicativo segue sem previsão de encerramento, então quem precisar se deslocam da zona Norte para as demais zonas da capital pelo trecho, deve ficar atento para a ocorrência de congestionamentos e para os desvios de rota. Da Marechal, os motoristas de aplicativo devem seguir pela Avenida Frei Serafim em carreata.

 

Manhã será de protestos por Teresina

 

A manifestação dos motoristas de aplicativo não é a única a movimentar as ruas de Teresina na manhã desta terça-feira (23). Além dela, estão marcados também outros atos em protesto contra o fechamento das atividades econômicas e escolas anunciado ontem (22) pelo governador Wellington Dias (PT). Ainda no final da tarde desta segunda-feira, pais e professores se reuniram em um ato na Avenida Frei Serafim pedindo que as escolas não sejam incluídas dentro das atividades não-essenciais que deverão sofrer lockdown nos próximos dias no Estado.

Também estão marcadas para hoje uma manifestação na Ladeira do Uruguai contra o decreto estadual, uma manifestação reunindo várias classes trabalhadoras na Avenida Frei Serafim e uma manifestação de pais e professores ao meio dia na Ponte JK contra o fechamento das escolas.

Na Ladeira do Uruguai o trânsito também já se encontra congestionado por conta da manifestação contra o decreto de lockdown anunciado ontem (22) pelo Governo do Estado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.